Moto vai parar embaixo de ônibus em corredor de transporte público na Capital

Motociclista fez uma conversão proibida, entre as ruas Guia Lopes e Paissandú, e foi atingido pelo veículo

O corredor de transporte público nas ruas Brilhante e Guia Lopes foi inaugurado no início da semana e na manhã desta quarta-feira (20), recebeu o primeiro acidente – entre motocicleta e ônibus, no cruzamento com a Rua Paissandú, no Bairro Amambaí. A moto Honda CG 125, de cor vermelha, foi parar sob o veículo, após uma conversão proibida.

O agente de transporte de trânsito da Agetran (Agência Municipal de Trânsito), Henrico Capobianco, estava no local para orientar passageiros em relação ao embarque e desembarque e presenciou o acontecimento. Segundo ele, o motociclista seguia pela Rua Guia Lopes, quando virou à esquerda na Rua Paissandú, colidindo com a frente do ônibus.

Ele ressalta que havia sinalização indicando a proibição desta conversão. Além disso, Capobianco afirma que o veículo é um “recolhe” – isto é, já não transportava passageiros e voltava para a garagem. Conforme o servidor, o motorista não foi ferido.

Viaturas dos bombeiros e BPTran (Batalhão de Polícia Militar de Trânsito) estão no local para apurar e registrar o acontecimento.

O motociclista, que não teve identificação revelada pelo Corpo de Bombeiros Militar, foi socorrido com ferimentos leves para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Jardim Leblon.

Proprietária de uma escola infantil na Rua Guia Lopes, Giedre Paula da Costa reclama que alguns motoristas têm dirigido em velocidades muito altas. Conforme sinalização pintada na via pública, o limite permitido no trecho é de 30 km/h. “É nítido, eles passam correndo demais.”

Fonte: CAMPO GRANDE NEWS

Share this:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.