Mato Grosso do Sul pode viver onda de calor intensa nos próximos dias

Manhãs e noites frias serão facilmente esquecidas e calorão deve agir com maior intensidade, deixando o tempo ainda mais seco

Por: topmidianews

 

Mesmo com as noites e manhãs um pouco mais frias que o normal, devido à última frente fria em Mato Grosso do Sul, a tendência é que nos próximos dias uma nova onde de calor se estabilize no estado e provoque aumento brusco de temperaturas e aumente o período de estiagem e secura.

O que é essa onda de calor? Segundo a meteorologia, essas ondas estão relacionadas à atuação de massar de ar quente e seco, que impedem a possibilidade de chuva, aumenta com rapidez as temperaturas e joga a umidade relativa do ar para baixo.

Assim, o Climatempo estabelece que nessa segunda semana de agosto, a previsão é de dias muito quentes, principalmente na região norte de Mato Grosso do Sul. Essas temperaturas, inclusive, podem ficar acima da média climática para o mês de agosto.

Essa onda de calor deve chegar ao estado, e principalmente em Campo Grande, a partir de segunda-feira (9), com picos de calor, que promete se estender até a quinta-feira da semana que vem, dia 12 de agosto.

Um exemplo da onde calor é que no estado vizinho, em Mato Grosso, Cuiabá pode superar a barreira dos 40°C. Para Mato Grosso do Sul, a tendência é de um clima ainda mais seco e temperaturas que vão superar os 30°C durante a tarde.

Em uma das previsões meteorológicas, Campo Grande pode atingir até 37°C no início da terceira semana do mês, perto da chegada de frente fria que ainda está prevista para o final de agosto.

Share this:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.