Casal é expulso de voo e banido por companhia após filha de 2 anos se recusar a usar máscara. VEJA VÍDEO

Um casal foi expulso de um voo nos Estados Unidos depois que a filha recusou-se a utilizar uma máscara de prevenção à Covid-19. Eliz Orban e seu marido ainda foram banidos pelo resto da vida de voos da United Airlines.

Eliz filmou a situação e a expôs no Instagram e no Twitter. No vídeo, a criança de dois anos aparece cobrindo o rosto com as mãos e chorando enquanto o pai tenta colocar a máscara nela. Pouco depois, um comissário de bordo aparece pedindo que a criança vista a peça.

Uma argumentação tem início, enquanto o pai tenta convencer o funcionário de que pode cobrir o rosto da filha de outras formas. O comissário, então, pede que o casal e a criança deixem o avião. Momentos depois, ainda os informa de que nunca mais poderão viajar com a companhia.

Eliz e o marido expõem diversas vezes a incredulidade em relação à decisão da empresa diante da atitude de uma criança de dois anos, mas em vão. “Fomos expulsos do voo porque nossa filha de dois anos não queria usar a máscara. E nós tentamos!”, resume a mulher no vídeo.

A família foi impedida de viajar de Denver para Nova York, mas suas bagagens, incluindo a cadeirinha da garota para carro, foram despachadas junto com o avião. “O que me intriga é: quem recomenda máscara para crianças com menos de cinco anos?”, questionou.

 

Em contato com o jornal inglês The Sun, a United Airlines se justificou: “A saúde e segurança de nossos empregados e clientes são nossas maiores prioridades, o que significa que temos um conjunto de políticas, incluindo exigir que todos os passageiros a bordo com mais de dois anos utilizem máscara”.

 

Fonte: Yahoo Vida e Estilo

Share this:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.