Homem confessa ter matado namorada de 34 anos e acaba preso em Iporã

O companheiro da vítima assumiu a autoria do crime e está preso na carceragem da delegacia. Veja o que diz o delegado responsável pelo caso

Uma mulher de 34 anos foi encontrada morta em uma residência em Iporã na noite desta quarta-feira (09). A Polícia Civil foi acionada pelo proprietário de uma clínica de reabilitação do município após o companheiro da vítima, que é seu funcionário, confessar que a havia assassinado.

De acordo com o proprietário da clínica, o casal estava desaparecido desde o último sábado (05) e o funcionário pediu para que o patrão fosse buscá-lo em Francisco Alves. Perguntado sobre a companheira, o homem, que tem 35 anos, informou que havia praticado o homicídio.

De acordo com ele, os dois haviam consumido drogas e o crime aconteceu após uma forte recaída. O homem foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil de Iporã. No apartamento onde o casal morava, os investigadores encontraram a mulher morta e enrolada em um cobertor. O corpo foi recolhido pelo Instituto Médico Legal (IML) de Umuarama.

Investigação

A Polícia Civil de Iporã já ouviu o companheiro da vítima, que confessou o crime. Ele está preso em flagrante e se encontra na carceragem da delegacia. Segundo o delegado Thiago Soares, responsável pelo caso, os policiais civis encontraram vestígios de uso de crack no apartamento. O delegado informou que o homem não quis dar detalhes de como praticou o crime e nem o que teria motivado, permanecendo em silêncio.

Confira o que diz o Delegado Thiago Soares

Fonte: Portal da Cidade Umuarama

 

Share this:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.