Menina de 11 anos é estuprada e engravida. PADRASTO E EX DA AVÓ SÃO SUSPEITOS

Vitória – Após o caso da menina de 10 anos que foi estuprada e engravidada pelo tio, um novo caso de abuso sexual infantil vêm à tona no Espírito Santo. Desta vez, o padrasto e o ex-companheiro da avó de uma menina de 11 anos de idade são investigados por tê-la estuprado e engravidado em um município da cidade – que, a pedidos da família, não foi revelado. O padrasto chegou a ser preso na última quarta-feira, mas já foi solto. Já o ex-companheiro da avó se apresentou em uma delegacia no último sábado. As informações são do UOL.

A criança está grávida de oito semanas – sua gravidez foi descoberta quando ela foi atendida em uma unidade de saúde do município.
O inquérito do crime ainda está em aberto e, portanto, ainda não há mandado de prisão contra os suspeitos. Foi feito um mandado de prisão temporário contra o padrasto, após ele ter sido apontado como autor do estupro pela família, mas ele foi solto na noite de sábado.

Já o ex-companheiro da avó tentou fugir da cidade após descobrir que estava sendo investigado, e por isso foi chamado para depor. Já existia um mandado de prisão em aberto contra ele, pelo descumprimento de uma medida protetiva contra uma integrante da família.

A investigação do caso segue sob sigilo.

Gravidez

A família da criança informou, através de uma nota divulgada pela sua defesa, que ainda não decidiu sobre o aborto – que é permitido em casos de estupro e em casos em que a vida da gestante está em risco. “A vítima sequer foi submetida a atendimento médico por profissional ginecologista/obstetra até o presente momento”, escreveu.

“Nesse momento difícil, a família pede respeito e compreensão de todos, pois o crime envolve uma criança. É um assunto que deve ser tratado em privacidade”.

Fonte: O Dia

Share this:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.