Na fronteira, polícia destrói 78 toneladas de maconha plantadas em 26 hectares

Dez acampamentos usados para abrigar plantadores e guardar equipamentos foram demolidos

Operação da polícia paraguaia destruiu cerca de 78 toneladas de maconha que estavam em uma área de plantação de 26 hectares. O trabalho dos agentes foi feito em região rural de Yby Yaú, a cerca de 100 quilômetros de Ponta Porã.

De acordo com informações da Senad (Secretaria Nacional Antidrogas do Paraguai), responsável pelo caso, o prejuízo estimado aos traficantes é de mais de R$ 2 milhões de dólares. Além da droga, 10 acampamentos que abrigavam plantadores e equipamentos foram demolidos. Os locais também seriam usados para colheita e preparado da maconha que seria prensada para comercialização.

 

Área onde a maconha estava plantada vista durante sobrevoo no local. (Foto: Adilson Domingos)
Área onde a maconha estava plantada vista durante sobrevoo no local. (Foto: Adilson Domingos)

As plantações foram descobertas após a Força Aérea sobrevoar a área. Por terra, policiais desembarcaram na área e completaram o extermínio.

Em dezenas incursões pelas matas da região os agente da SENAD com o apoio de homens da Polícia Nacional através da Força Tarefa Conjunta (FTC) exterminaram cerca de 78 toneladas de maconha em diversas fases de plantio.

A Senad não informou se alguém foi preso nem divulgou a identificação do proprietário das áreas onde a maconha era cultivada.

Fonte: Campo Grande News

Share this:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.