Adolescente estuprada e engravidada pelo próprio pai morre em parto prematuro no Hospital de Coari, interior do Amazonas

Uma adolescente de 13 anos que havia sido estuprada e engravidada pelo próprio paio, morreu na última quarta-feira, 12, durante um parto prematuro de cesariana no Hospital de Coari, município distante 369 quilômetros de Manaus em linha reta.

A polícia já investigou o caso e foi descoberto que a adolescente sofria os abusos sexuais do padrasto desde os 9 anos de idade na Comunidade Santa Maria do Igapó Grandes, situada na Zona rural de Coari.

Tomé da Silva Faba, acusado de estuprar a própria filha, tem 36 anos e quando soube que seu crime havia sido denunciado e que a polícia estava a sua procura para prendê-lo, ele foi embora de sua casa e até a presente data está foragido.

Na tarde de quarta-feira a adolescente grávida do padrasto passou mau, estava com sangramento, foi levada pela família para o Hospital de Coari e acabou falecendo quando era submetida a uma cirurgia cesariana.

Segundo os médicos a adolescente enfrentava problemas graves de anemia profunda, cirrose hepática, derrame pleural que é a água no pulmão e a saúde frágil da paciente agravou-se com a gravidez e provocou sua morte.

A adolescentge faleceu durante o parto e seu pa, na foto ao lado,

está foragido e continua sendo procurado pela polícia 

Joiciara da Silva Faba, mãe da adolescente, até hoje se nega a acreditar que o marido estuprou a própria filha e em momento algum, durante o inquérito policia ou colaborou para que o marido fosse incriminado.

A família da adolescente ainda onde hoje vive revoltada com a atitude de Joiciara e com a mor te da adolescente, ficou ainda mais indignada ao ponto de cobrar da polícia que ela seja indiciada por omissão e cumplicidade no crime.

O bebê da adolescente que morreu parto de cesariana prematura, sobreviveu e de acordo com a família, o mesmo está internado na unidade hospitalar de Coari e apesar de ter nascido aos 7 meses, está em bom estado de saúde.

A polícia de Coari foi informada da morte da menor de idade, confirmou que o inquérito foi concluído, enviado à Justiça e que o pai estuprador está com a prisão preventiva decretada e que Thome Fabá continua sendo procurado.

Tomé Fabá estuprou a própria filha e é procurado pela Polícia (Fotos: Divulgação)

Fonte: Portal do Zacarias

Share this:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.